8 de setembro de 2014

Effaçol L'oréal

Hoje a postagem é uma colaboração da Tissiane sobre o Effaçol.
Logo que ela disse que ia usar, pedi para tirar as fotos e contar como tinha sido a experiência.


O produto promete ser um "decapante" de cor.
Como o Dekap Color estava em falta na cidade ela comprou dois sachês por indicação desse vídeo aqui: https://www.youtube.com/watch?v=sFrTChOoeTY&list=UUHftBth9OAaVD6lfGH1LGpQ

(Na Lojas Rede, o saquinho de 28g por R$ 10,49, pro cabelo dela foram dois. Chegou tudo certinho dentro do prazo)

A surpresa é que não é nada parecido com o Dekap Color, que só desbota a tinta e não afeta o cabelo natural, o Effaçol é um pózinho azul DESCOLORANTE extremamente fino que precisa misturar água oxigenada.
Ela misturou com água ox. de 20 volumes e queria tirar a coloração verde do cabelo para colocar um degradê de lilás e rosa sem retocar a raiz, o "charme" seria a raiz crescida.

Desculpem as fotos tremidas, a pessoa que tirou é meio descoordenada -_-

Descoloriu TU-DO, a raiz crescida ficou loirinha e o verde foi totalmente embora, como é de se esperar de qualquer cabelo que já passou por vários processos de descoloração: ficou elástico sim, mas nada que não tenha jeito e ela não saiba concertar.

A cor de antes era o Verde Hulk já bastante desbotado e as que ela colocou depois foram Rosa Sakura misturada com o Roxo Blond, todos da Exotic Colors


Embora tenha saído todo o verde, o loiro ainda não era suficiente pra pegar o Roxo Blond sozinho, então ela misturou com Rosa Sakura e passou no cabelo todo.

29 de agosto de 2014

Óleo de Argan Vegetrat - Só que não.

Primeiramente gostaria de informar que PESQUISEI MUITO sobre a empresa Vegetrat mas o máximo que consegui descobrir é que ela é de Minas Gerais, sem site nem qualquer sinal de atividade na Internet até o momento (Agosto/2014).
Na embalagem tinha mais informações, que eu lembro ter lido, sobre a Vegetrat e o produto em sí, mas A ANTA aqui tem mania de jogar todas as embalagens novas no lixo, então, já era.


Segundamente, o óleo tem quatro componentes:
Além do óleo de argan (Arganina Spinosa), a composição tem Parfum (fragrância), Cyclomethicone: um tipo de silicone solvente de fácil evaporação, não oleoso; e Dimethicone: outro tipo de silicone mais "plástico" impermeabilizante.


A cor do óleo é muito amarela, não sei se mancha cabelos muito loiros, a textura é muito leve, líquida quase, não é viscoso como silicone e não deixa a mão "melada".
O cheiro incomodou um pouco, porque é MUITO CHEIROSO, parece perfume, e como eu tenho alergia a perfume............ bem, foi por isso que incomodou.

Não sei se o fio consegue absorver bem o óleo de argan com tanto silicone na composição, mas ao contrário dos silicones comuns, esse óleo não deixou meu cabelo pesado nem oleoso, ficou sequinho-sequinho. Também diminuiu o frizz instantaneamente, mas não por completo.

Desculpem o flash "estourado", as fotos foram tiradas de noite. É bom que dá pra ver bem o brilho.
Na primeira foto do 'antes' o cabelo estava lavado, enxuto e penteado com MUITO FRIZZ,
a segunda foto do 'depois' foi tirada logo após, praticamente sem frizz e um brilho wonderful sem deixar o cabelo pesado nem oleoso.

O resultado é parecido demais com o Óleo de Argan da Eico que eu mencionei aqui, só que mais cheiroso e mais barato (50ml por R$ 15,00), menos a proteção solar.

Achei que ele é um bom reparador de pontas, não é nutritivo como o óleo vegetal puro, mas protege os fios das agressões diárias e diminui o frizz depois das lavagens. Sem sombra de dúvidas é muito melhor que os reparadores de pontas que são silicone puro e deixam tudo melecado, cabelo, mãos, pente.

26 de agosto de 2014

Valentino - Paris Verão 2014

Apesar de os modelos continuarem com a mesma cara romântica com vestidos e mangas longas de corte reto, como a coleção é de verão a novidade foram os tecidos: muito rendado, bordado, transparências e tecidos leves para evitar o calor. ♥





 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...